Quem Somos

Uma história de superação e sucesso!

A Mineração Caraíba S/A(MCSA) é uma mineradora situada no norte da Bahia, mais precisamente no Distrito de Pilar, município de Jaguarari, que tem cerca de 3181 colaboradores (entre diretos e terceirizados).

O depósito de minério de cobre foi descoberto em 1874 em meio ao sertão baiano. Em 1944, o Departamento Nacional de Produção Mineral (antigo DNPM, atual ANM) identificou o seu potencial produtivo. Em 1969, Francisco Baby Pignatari iniciou os estudos de viabilidade e em 1974 o empreendimento passou a ser controlado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Em 29 de outubro de 1979, 105 anos após a descoberta das reservas, com o nome Caraíbas Metais, as atividades de operações da mina a Céu Aberto foram iniciadas. Já no final da década de 80, a Caraíba Metais gerenciava as duas operações e produziu 23.506 toneladas de concentrado já no primeiro trimestre. As atividades metalúrgicas também faziam parte do escopo da atuação, e como acontece hoje, eram feitas em Dias D’Avilla (BA). Após alguns anos, em 1988, foi iniciado o processo de privatização da metalurgia que resultou na concepção da empresa Paranapanema. Em 1994 a mineradora entrou no Programa de Privatização Nacional com o nome Mineração Caraíba S/A.

Em 2006, iniciaram-se as operações da planta de lixiviação que pretendia extrair o cobre a partir do minério oxidado, armazenado desde o início das operações.

Em 2016, a Mineração Caraíba S/A foi adquirida pela Ero Copper Corporation.

Já em 2017, a empresa iniciava o programa de implantação da mina de Vermelhos, no Vale do Curaça. Em 2018, o projeto se desenvolveu de modo tão arrojado, que em outubro do mesmo ano, a operação na mina de Vermelhos foi iniciada.

O ano de 2019 foi marcado pelos 50 anos de vida da MCSA e 40 anos de operação, meio século de uma história pautada pelo respeito, superação e transformação de toda uma região, pessoas e sociedade. Além disso, registrou o recorde de cerca de 40.000 mil toneladas de cobre concentrado produzidas. A Mineração Caraíba S/A opera atualmente duas minas de cobre na Bahia e projeta produzir 43.000 toneladas de cobre concentrado em 2020.

Implantação da Mina Vermelhos

Britador primário da MSB

Carregamento de minério

Equipe de implantação

2018

Publicação da LO e início das operações da Mina Vermelhos

2017

Início da implantação da Mina Vermelhos

2016

A Mineração Caraíba foi adquirida pela Ero Copper Corporation.

2006

Iniciaram-se as operações da planta de lixiaviação que pretendia extrair o cobre a partir do minério oxidado, armazenado desde o início das operações.

1994

Entrou no programa de Privatização Nacional, passando a ser chamada de Mineração Caraíba S/A.

1988

A antiga Caraíba Metais (hoje Paranapanema) iniciou o processo de privatização.

1986

Com a entrada em operação da Mina Subterrânea, o minério de cobre era retirado simultaneamente das duas fontes.

1979

Com o nome de Caraíba Metais S/A, iniciou-se as atividades de operação da mina a céu aberto.

1974

O empreendimento passou a ser controlado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BDNES)

1969

Francisco Baby Pignatari iniciou os estudos de viabilidade.

1944

O Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM) identificou o potencial produtivo

1874

O depósito da MCSA foi descoberto